segunda-feira, 31 de janeiro de 2011


Não vou sorrir pra esconder a dor, porque simplesmente não há dor alguma.

Nenhum comentário:

Postar um comentário